03/12/2017

Grêmio 2017

Otero desequilibra, garante vitória do Galo sobre Grêmio e time torce pelo Fla por vaga

Grêmio 2017
Otero desequilibra, garante vitória do Galo sobre Grêmio e time torce pelo Fla por vaga
Belo Horizonte – Em jogo com expulsão e queda de luz, Atlético-MG vence os garotos do Tricolor por 4 a 3 na noite deste domingo no Horto. Se Flamengo for campeão da Sul-Americana, Galo estará na Libertadores da América do ano que vem.
Os garotos do Grêmio que compareceram ao Independência até surpreenderam o Atlético-MG, mas viram os mandantes vencerem por 4 a 3 de virada. O resultado faz o Galo precisar que o Flamengo seja campeão da Sul-Americana para confirmar uma vaga a Libertadores do ano que vem. No primeiro tempo, Jean Pyerre abriu o placar aos 33. Três minutos depois, Elias empatou. Aos 44, Jean Pyerre tocou para Pepê, que colocou os mineiros em vantagem. Os mandantes não desistiram e deixaram tudo igual, com Otero, aos 48. A etapa final seguiu eletrizante. Os dois times seguiram no ataque. Batista anotou o terceiro dos gaúchos aos 15. Só que Fred igualou aos 20. O duelo ainda teve mais emoção. Aos 37, Gustavo Blanco foi expulso por entrada em Pepê. E, para completar, houve uma queda de luz, que parou o confronto por 11 minutos. Aos 53, Otero voltou a mostrar seu talento nas cobranças de faltas e garantir os três pontos.
A etapa inicial do Horto marcou um dos melhores jogos do Brasileirão. O 2 a 2 entre Atlético-MG e Grêmio foi um merecimento ao desempenho das duas equipes. Ambas lutaram pela vitória e se atiraram ao ataque. Bruno Grassi fez pelo menos duas grandes defesas. Víctor outra. Elias ainda acertou a trave. Os meninos do Tricolor abriram o placar aos 33 minutos. Dionathã cobrou falta. A bola desviou na barreira e sobrou para Jean Pyerre, que marcou. O empate saiu três minutos depois, com Elias. O volante recebeu de Fred e mandou para o fundo das redes. Só que tinha tempo para mais. Aos 44, Jean Pyerre encontrou Pepê, que colocou os visitantes à frente novamente. Porém, já nos acréscimos, aos 48, Otero cobrou falta com perfeição e deixou tudo igual.
Segundo tempo
Se o primeiro tempo foi bom, o segundo não ficou para trás. O duelo seguiu da mesma forma, com os dois times em busca do gol. Os garotos gremistas, mais uma vez, conseguiram a vantagem. Aos 15, Pepê cruzou para Batista. O Galo não se abalou. Cinco minutos depois, Fred igualou ao completar cruzamento de Robinho. E podia até ter saído mais. Porém, as atuações inspiradas de Víctor e Bruno Grassi impediram os chutes de Batista e Gustavo Blanco. O atacante ainda seria expulso após entrada em Pepê. O animado confronto ainda viu faltar luz no Independência e a partida ficar paralisada por 11 minutos. E, quando o jogo voltou, veio mais um gol. Aos 53, Otero, bateu falta no canto esquerdo de Grassi, que não conseguiu evitar.