08/07/2018

Amador de Lajeado 2018

Santo André dá a volta olímpica, depois de mais uma goleada na final. Competição foi vencida de forma invicta

Amador de Lajeado 2018
Santo André dá a volta olímpica, depois de mais uma goleada na final. Competição foi vencida de forma invicta
Nos aspirantes, o Estudiantes de Conventos venceu no tempo normal, provocando a decisão em cobranças de penalidades máximas. Nela, o Penharol converteu as cinco cobranças e soltou o grito de “é campeão”. Ao final de cada jogo foi realizada a entrega dos troféus de campeão e vice aos melhores da competição. Demais troféus (goleador, defesa menos vazada e disciplina serão entregues durante a semana, em local, data e horário a serem definidos pela Lilafa)
Lajeado – A Liga Lajeadense de Futebol Amador (Lilafa) realizou no dia 8 de julho, os duelos de volta, das finais do Campeonato Municipal Amador – Copa Posto Giovanella 2018.
Aspirantes
O Estudiantes de Conventos, do treinador Matias Verruck reverteu a vantagem do Penharol, do técnico Tunga, no tempo normal de jogo. Canhoto abriu o marcador aos 32 minutos do primeiro tempo. Aos 43 da etapa final, Danrlei Heisler cobrou falta da entrada da área. O goleiro Lucas deu rebote. Daniel atento a jogada, mandou para o fundo da rede: 2 a 0. Com isso, a decisão foi para a cobrança de penalidades máximas. Nela, o Penharol foi mais eficiente, convertendo as cinco cobranças.
Titulares
Na principal categoria, o União Santo André chegou ao jogo da volta da final, com a melhor campanha e de forma invicta. Já o Penharol, tinha que reverter à desvantagem do jogo de ida, quando foi goleado por 5 a 1 para o time santo.
O Santo André, orientado a beira do gramado pela dupla Juliano Kern, o “Maninho” e Rene do Nascimento, o “Naco”, iniciou a partida com Mael, Willian, Saninho, Petry, Paulinho, Cobrinha, Riopardinho, Cisso, Ricardo Maria, Vini e Dioguinho Silva. Pelo lado do Penharol, do técnico Juquinha, o grupo titular teve Márcio, Deja, Medonho, Rogério, Daniel, Oré, Serginho, Jorginho, Jardel, Patrick e Coletti.
O time santo apostou em iniciar a partida com uma formação de três zagueiros. As modificações no elenco do Penharol para este duelo deixaram a equipe mais equilibrada. Mesmo assim, o Santo André não dava espaços para os atacantes do representante do Morro 25.
Aos 40 minutos de jogo, Cobrinha entrou na área do Penharol e foi derrubado pelo lateral Deja. O árbitro apontou a marca da cal. Ricardo Maria cobrou com perfeição e abriu o placar para o Santo André: 1 a 0.
Aos 15 minutos da etapa complementar, Dioguinho Silva recebeu dentro da área, girou e estufou a rede do goleiro Márcio: 2 a 0. Aos 32, Medonho dividiu a bola dentro da área do Santo André e na sequência do lance mandou para a rede do arqueiro Mael. O árbitro assinalou falta e anulou a jogada. Aos 38, João de Moura escapou pelo lado direito de ataque. Quase na linha de fundo cruzou para trás. Ruimar Kunzel fez o arremate certeiro: 3 a 0. Aos 45, Nego recebeu próximo da área e disparou em direção ao gol de Márcio. Com frieza escolheu o canto e deu números finais ao escore: 4 a 0. Final – Jogo de Volta – Dia: 8/07 – 13h – Aspirantes – Arena Alviazul
Penharol 0x2 Estudiantes – Pênaltis: Penharol – 5x4
Classificação: Penharol e Estudiantes (20 pontos).
Goleador: Cassiano Ramos – Penharol (7 gols)
Melhor ataque: Penharol (17 gols)
Melhor defesa: Penharol (8 gols)
Final – Jogo de Volta – Dia: 8/07 – 15h – Titulares – Arena Alviazul
Penharol 0x4 União Santo André
Classificação: Santo André (28 pontos) e Penharol (14)
Goleador: Julian Krindges – Sociedade União Carneiros (8 gols)
Melhor ataque: Santo André (29 gols)
Melhor defesa: Santo André (7 gols)