11/09/2018

Alaf 2018

Alaf resgata a autoestima do seu torcedor

Alaf 2018
Alaf resgata a autoestima do seu torcedor
Com aplicação tática impecável, comandados do técnico Edmilson Bella goleiam Guarany de Espumoso e voltam a ter chances matemáticas de classificação para a próxima fase
Lajeado – Mesmo com duas vitórias consecutivas, o torcedor da Alaf não compareceu em grande número para prestigiar o representante do Vale Taquari, no duelo contra o Guarany de Espumoso, na segunda-feira (10), às 20h15min, no Complexo Esportivo Univates. E quem não foi, perdeu uma apresentação de luxo da Associação Lajeado de Futsal (Alaf). Entre os torcedores, a presença de Rodrigo Bandeira e Adílson Machado, técnico e gerente de futebol do Clube Esportivo Lajeadense.
Após o jogo, a comissão técnica e diretoria da Alaf alternavam alegria com o desempenho do time e frustração com a polêmica decisão da arbitragem em punir com cartão amarelo, os jogadores Bazílio e Teteu no banco de reservas, por desentendimentos com o jogador Beiço.
No entanto, a alegria foi preponderante, já que agora a Alaf ficou a três pontos do Parobé Futsal. Este adversário terá compromissos muito difíceis (América, Atântico, ACBF e a própria Alaf, fechando o returno em Lajeado). Enquanto isso, a Alaf terá pela frente A Sase e Uruguaianense fora dos seus domínios.
O jogo
O técnico Bella saiu jogando com Bazílio, Marcelo Giba, Duda Bello, Bruninho e Biel. Já os visitantes optaram pelo quinteto formado por Cristian, Beiço, Eder, Feroz e Bipe.
Com a bola rolando, a Alaf começou em ritmo intenso. Com saída rápida nos contra-ataques, e bem posicionada defensivamente, envolveu o oponente. Aos 2min20seg, Bruninho recebeu pela direita e chutou cruzado, inaugurando o placar: 1 a 0. Aos 10min37seg, Bipe recebeu como pivô, girou e fez o arremate. Dionízio tentou interceptar e mandou contra seu próprio patrimônio: 1 a 1. A Alaf não se intimidou com o revés no escore e tratou de sair em busca do prejuízo. Aos 13, triangulação perfeita, com conclusão de Dionízio, rente a trave direita de Cristian.
No retorno para a etapa complementar, a Alaf voltou com mais força ofensiva. No primeiro minuto, envolveu o Guarany em duas oportunidades. Com 22 segundos, o chute de Biel não acertou o alvo, mas aos 54 segu8ndos, Bruninho escapou pelo lado direito e fuzilou a meta de Cristian. Alaf: 2 a 1. O gol abalou o time visitante. Aos 2min35seg, Duda Cruzou da esquerda e Biel tocou de calcanhar, anotando um gol antológico: 3 a 1. Ainda tentando se reorganizar, o Guarany sofreu outro revés, 25 segundos depois. Biel recebeu pela direita e concluiu. Cristian deu rebote nos pés do atleta lajeadense. Desta vez, ele não perdoou. Rede: 4 a 1. Com 10 minutos, o Guarany adotou a tática do goleiro linha. Precavida, a Alaf se posicionou defensivamente e esperou o erro do adversário. Aos 12min30se3g, Beiço mandou no travessão da meta do goleiro Bazílio. A jogada do elenco de Espumoso reacendeu o ímpeto ofensivo da Alaf. Aos 15 minutos, Bazílio chutou de sua área para o gol de Feroz (goleiro linha) que estava longe de sua meta. A “gorduchinha” acabou encobrindo Éder e foi morrer no fundo da rede. Na comemoração, Bazílio protagonizou duas cambalhotas espetaculares, para delírio do torcedor: 5 a 1. Segundos depois, Marcelo Giba também deixou sua marca de artilheiro: 6 a 1. No finalzinho, o Guarany descontou com Camargo, mas nada que alterasse a história do jogo. Final: 6 a 2.
Próximos confrontos
Sase x Alaf - Dia: 15/09 - 20h
AEU x Alaf - Dia: 29/09 - 20h
Alaf x Parobé - Dia: 6/10 - 20h